Fato!

Comece a defender suas idéias. Comece a não concordar com tudo e exponha a sua vontade. Comece a levantar o tom da voz quando levantam para você.

Tenha opinião própria, tenha problemas!

e a grama

do vizinho, é mais verde mesmo? as pessoas são tão felizes quanto aparentam ser? as imagens das fotos mostram a realidade por trás dos sorrisos? o bem sucedido dorme melhor que o mendigo em frente à sua mansão?

pois tenho lá minhas dúvidas…

tanto

Já nem se espantava tanto com a conhecida palavra: ‘insensível’, mas indiferente à essa expressão também não conseguia ficar. Era estranho. De tanto ouvir isso, por uns instantes até acreditava que fosse verdade, mas então voltava à tona todo seu turbilhão de emoções… podia ser tudo, menos insensível. Não pretendia mudar a opinião de ninguém até porque, no fundo acreditava que um dia encontraria alguém que fosse capaz de entender sua confusão e então, libertar-se finalmente, de toda a armadura que havia criado para si!