Tão abandonado

Foi deixado embaladinho em um saco de pano na beira da cerca, sem entender o porquê. Até onde se lembrava, ele havia sido um bom cachorrinho, exceto a vez que pulou em cima da perna da vovó fazendo com que ela derrubasse todo o leite das crianças, mas isso não vinha ao caso. Por mais que tentasse ele não lembrava o que podia ter feito de tão mal para ter sido expulso da sua casinha. Será que era feio?  Gordinho? Ficou ali deitadinho por uns instantes pensando, pensando…

tão abandonado

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s